Blog Infonova

Informação para tomada de decisão

Resultado da pesquisa por: ""

Guia completo sobre armazenamento de dados

Por Juliana Gaidargi em 17/08/2021 em Gestão de TI

Você sabe como desenvolver e implementar um plano de armazenamento de dados? Pois saiba que o planejamento é uma parte importante da TI, portanto, você deve examinar todos os elementos de um plano de armazenamento.  Afinal, embora a abordagem para armazenamento de dados possa ser simples, qualquer tipo de organização precisa de um plano formal.

armazenamento de dados

Um plano de armazenamento de dados precisa abordar:

  • O que é armazenado;
  • Local de armazenamento;
  • Quando ocorrem as atividades de armazenamento;
  • Quem é responsável pelo gerenciamento;
  • Quantos dados uma organização armazena, retém e destrói;
  • Como o armazenamento ocorre.

Portanto, a seguir, você terá mais detalhes sobre essas partes importantes de um plano de armazenamento de dados.

O que é um plano de armazenamento de dados?

Um plano de armazenamento de dados cobre todos os aspectos do processo. Portanto, os requisitos do plano de armazenamento de dados garantem a sua segurança e disponibilidades e outros recursos de informação.

O que é armazenado

O armazenamento de dados pode ser em formatos eletrônicos ou não eletrônicos. Isso inclui arquivos de dados, bancos de dados, aplicativos e qualquer outra informação relevante da empresa. No entanto, o armazenamento não eletrônico – localizado dentro ou fora do local – precisará de um ambiente de armazenamento devidamente equipado. Ou seja, com controle de temperatura e umidade, acesso a fontes de luz, transporte das informações dos escritórios da empresa ao local de armazenamento e segurança física. 

Então, os dados eletrônicos usarão uma variedade de tecnologias, incluindo unidades de disco rígido, fita magnética, unidades flash e de estado sólido e armazenamento óptico. Portanto, discuta os requisitos de dados com usuários internos para ajudar a desenvolver mais de um  plano de armazenamento de dados.

Local de armazenamento

O armazenamento interno e externo são opções. Contudo, frequentemente, uma combinação dos dois é apropriada, dependendo dos dados e de sua criticidade para a organização. Além de uma variedade de mídias de armazenamento no local e tecnologias de rede de armazenamento, o armazenamento em nuvem cresceu rapidamente em popularidade. Afinal, ele pode reduzir a pegada para equipamentos de armazenamento no local e os investimentos de capital necessários para adquirir instalações de armazenamento no local. Isso, enquanto fornece vários níveis de segurança de dados.

Quando ocorrem atividades de armazenamento

O armazenamento de dados ocorre amplamente com base nos requisitos do usuário para armazenar e recuperar dados. Portanto, o armazenamento de dados pode ocorrer logo após o processamento ou uma organização pode colocá-los na fila para mais tarde. Contudo, certos tipos de dados críticos podem precisar de armazenamento imediatamente após o processamento. É o caso de transações de clientes e atualizações de dados pessoais de saúde. Então, isso pode exigir tecnologias de armazenamento mais avançadas, como espelhamento ou replicação de dados. Dessa forma, o plano de armazenamento de dados deve definir esses requisitos.

Quem é o responsável pelo gerenciamento de armazenamento de dados

Normalmente, uma equipe de armazenamento de dados gerencia esse processo. Os membros da equipe trabalham com as métricas de armazenamento definidas pelas organizações de usuários. Então, incorporam esses requisitos em um plano de armazenamento diário.

Quantos dados uma organização armazena, retém e destrói

Os usuários ajudam a definir os requisitos para essas métricas. Portanto, o gerenciamento de usuários revisa periodicamente as métricas e a equipe de armazenamento de dados as atualiza.

Como ocorre o armazenamento

Para armazenamento eletrônico de dados, esse processo ocorre movendo os dados do local de origem para o destino. Então, a mídia de transporte pode incluir uma LAN, SAN ou uma conexão direta do dispositivo de processamento para o dispositivo de armazenamento. No entanto, os aplicativos de armazenamento podem gerenciar com eficiência as atividades de armazenamento de dados. Afinal, eles validam que não ocorreu corrupção de dados durante o transporte. Dessa forma, fornecem recursos de segurança de dados, incluindo criptografia.

Construir e implementar planos de armazenamento de dados

Para identificar os requisitos de armazenamento, entreviste os usuários. Então, a equipe de armazenamento de dados deve desenvolver os vários processos descritos na seção anterior com revisão por parte da gerência de TI e confirmação pelo gerenciamento do usuário. Contudo, após a aprovação do plano, delineie as atividades necessárias para:

  • Processos de armazenamento;
  • Mídia de armazenamento;
  • Locais de armazenamento;
  • Mídia de transporte de dados e outros critérios.

No entanto, se não houver nenhuma atividade de armazenamento atualmente, conclua o processo em uma sequência multifásica de atividades. Isso garantirá que os administradores configurem adequadamente todos os sistemas e processos associados ao armazenamento de dados. Então, poderão executá-los conforme necessário. No entanto, se as atividades de armazenamento de dados já existirem, mas não houver um plano de armazenamento formal, documente as atividades existentes e mescle-as no plano de armazenamento.

Já como parte das atividades de manutenção, programe revisões periódicas do plano de armazenamento de dados. No entanto, lembre-se de incluí-las durante os exercícios de backup e recuperação de dados. Além disso, estabeleça um processo de melhoria contínua.

Benefícios dos planos de armazenamento de dados

A proteção de dados, sejam arquivos de dados, bancos de dados, aplicativos, recursos de comunicação ou outras informações, é um dos pilares do gerenciamento de TI. Afinal, os auditores de TI examinam regularmente os planos de proteção de dados. Estes, por sua vez,  podem incluir backup, armazenamento e gerenciamento.

Os planos de armazenamento de dados especificam os processos e procedimentos necessários para garantir que uma organização possa armazenar todos os dados com segurança e recuperá-los facilmente.

Vantagens e desafios do gerenciamento de armazenamento de dados

É difícil estabelecer uma estratégia de gerenciamento de armazenamento de dados, contudo, ela oferece vários benefícios para a organização. Especialmente com sistemas cada vez mais distribuídos e complexos.

Não obstante, as organizações estão enfrentando desafios sem precedentes no armazenamento e gerenciamento de dados. Afinal, elas não devem apenas lidar com grandes quantidades de dados, mas também devem trabalhar com diferentes tipos de dados. E muitos deles não são estruturados. Ao mesmo tempo, as cargas de trabalho se tornaram mais complexas e variadas e costumam ser distribuídas em várias regiões geográficas.

Além disso, os trabalhadores também estão mais distribuídos. Muitos deles trabalham em casa, por exemplo, especialmente desde o início do COVID-19. Portanto, as organizações também precisam enfrentar um número crescente de ataques cibernéticos. Estes, por sua vez, estão cada vez mais agressivos e sofisticados. Tudo isso, ao mesmo tempo em que obedecem a uma variedade de regulamentações que regem o gerenciamento de dados. Então, mais do que nunca, as equipes de TI devem implementar estratégias eficazes de gerenciamento de armazenamento de dados para enfrentar esses desafios da maneira mais eficiente e segura possível.

Por que o gerenciamento de armazenamento de dados é importante?

Uma estratégia de gerenciamento de armazenamento bem-sucedida garante que os dados estejam disponíveis para usuários e aplicativos quando eles precisam. No entanto, o gerenciamento de armazenamento não tem tamanho único. Então, cada organização deve determinar o que é necessário para atender aos seus próprios requisitos de desempenho. Isso, além das demandas de capacidade, ao mesmo tempo em que permanece flexível o suficiente para acomodar as mudanças nas circunstâncias. Portanto, uma estratégia de gerenciamento de armazenamento eficaz ajuda no seguinte:

Atender aos requisitos de segurança e conformidade

As organizações estão sob grande pressão para garantir que seus dados sejam protegidos contra ameaças de segurança. Contudo, também devem cumprir os regulamentos aplicáveis, especialmente com o advento do armazenamento em nuvem e outros serviços em nuvem. Portanto, uma violação de dados pode interromper os negócios e resultar em processos judiciais caros e reputação manchada, às vezes além do reparo. Inclusive, mesmo que os dados não tenham sido comprometidos, uma organização ainda pode estar sujeita a pesadas multas se não estiver em conformidade com os regulamentos aplicáveis. Dessa forma, o gerenciamento de armazenamento eficaz é essencial. Seja para garantir que os dados sejam continuamente protegidos, seja para que as leis sejam cumpridas. Afinal, mesmo um ou dois arquivos perdidos podem colocar uma organização inteira e seus clientes em risco.

Maximizar o desempenho

Muitos fatores influenciam o desempenho de um aplicativo. No entanto, um dos fatores mais importantes são os sistemas de armazenamento que oferecem suporte ao aplicativo. Então, as equipes de TI devem garantir que seus dispositivos de armazenamento possam fornecer continuamente o desempenho necessário. Isso, independentemente do local de armazenamento. Contudo, isso não apenas requer os dispositivos certos, mas esses dispositivos também devem ser mantidos de maneira adequada e atualizados periodicamente. Tudo a fim de atender às necessidades contínuas de desempenho. 

Para complicar as coisas, a maioria das equipes de TI deve oferecer suporte a vários aplicativos e sistemas de armazenamento, cada um exigindo uma administração cuidadosa. Portanto, somente com uma estratégia eficaz de gerenciamento de armazenamento de dados em vigor, pode-se garantir que todos os seus sistemas de armazenamento forneçam continuamente o desempenho necessário para atender às demandas flutuantes de usuários e aplicativos.

Garantir disponibilidade e confiabilidade

Assim como acontece com o desempenho, as equipes de TI devem garantir a disponibilidade e a confiabilidade contínuas de seus sistemas de armazenamento. Contudo, a única maneira de fazer isso com eficácia é colocar em prática uma estratégia abrangente de gerenciamento de armazenamento de dados. Afinal, uma estratégia de gerenciamento garante que os sistemas de armazenamento sejam devidamente implantados e mantidos. 

Além disso, assegura que os mecanismos de recuperação de desastres necessários estejam em vigor para manter o mínimo de interrupções caso ocorra um desastre. É o caso de  replicação, backups ou instantâneos, por exemplo. Entretanto, uma estratégia eficaz também considera a necessidade de oferecer suporte a aplicativos e usuários distribuídos. Por exemplo, a TI pode precisar equilibrar as cargas em vários armazenamentos de dados ou locais para minimizar interrupções na carga de trabalho.

Assegurar uma gestão eficaz de recursos

Uma estratégia de gerenciamento de armazenamento torna mais fácil para os administradores planejar e manter seus sistemas de armazenamento de dados. Com a estratégia certa, eles podem fornecer a seus aplicativos e usuários a capacidade de armazenamento de que precisam. Isso, ao mesmo tempo em que evitam armazenamento não utilizado ou superprovisionado. 

Dessa forma, eles podem utilizar melhor os recursos e reduzir os custos e as complexidades decorrentes do gerenciamento do armazenamento desnecessário. Eles também podem reduzir a quantidade de energia e resfriamento necessária para oferecer suporte a seus sistemas de armazenamento de dados. Inclusive, o gerenciamento de armazenamento pode até ajudar os administradores a planejar melhor a memória virtual usada pelos sistemas operacionais. Não obstante, também ajuda as equipes de TI a se prepararem melhor para dimensionar seus sistemas para acomodar cargas de trabalho em mudança e resolver problemas de compatibilidade e integração desde o início, ao invés de tentar juntar os componentes em uma base ad hoc.

Simplificar a administração do sistema

Gerenciar o armazenamento pode ser uma tarefa significativa. Especialmente à medida que a quantidade de dados aumenta e as plataformas de armazenamento se tornam mais complexas. Então, uma estratégia de gerenciamento de armazenamento pode ajudar as equipes de TI a centralizar a administração de armazenamento de dados. Afinal, isso facilita manter vários sistemas de armazenamento, independentemente dos tipos de cargas de trabalho que eles suportam. 


No entanto, essa estratégia também pode ajudar a TI a:

  • Incorporar automação em seus fluxos de trabalho;
  • Implantar tecnologias como armazenamento definido por software;
  • Aprimorar suas operações por meio de mecanismos, como camadas dinâmicas ou análises baseadas em IA.
Reduzir custos

As equipes de TI estão procurando maneiras de reduzir os custos de armazenamento de dados. Especialmente com a taxa impressionante de crescimento de dados no mundo. Portanto, adotar uma estratégia pode ajudar a TI a utilizar melhor os recursos de armazenamento. Isso, além de otimizar as operações de gerenciamento de armazenamento, reduzindo custos. 

Além disso, uma estratégia de gerenciamento pode levar a um melhor desempenho, disponibilidade e confiabilidade. Afinal, aumenta a produtividade do trabalhador e a satisfação do cliente e, por sua vez, melhora os resultados financeiros. Além disso, o gerenciamento de armazenamento também fornece melhor visibilidade dos dados. Ou seja, permite que as organizações extraiam valor dos dados com mais facilidade.

Quais são os benefícios do gerenciamento de armazenamento de dados?

O gerenciamento de armazenamento de dados pode oferecer inúmeras vantagens. Especialmente, se a estratégia for cuidadosamente planejada e implementada. Por exemplo:

Os dados são mais seguros. Afinal, medidas são tomadas para mitigar ameaças e fornecer visibilidade contínua dos padrões de acesso aos dados e riscos potenciais.

A conformidade é mais fácil de alcançar. A razão é que os mecanismos são implementados para garantir que o gerenciamento de dados e armazenamento esteja em conformidade com os regulamentos aplicáveis ​​e possa atender aos requisitos de auditoria.

Os sistemas de armazenamento oferecem o desempenho necessário para suportar as cargas de trabalho atuais. Simultaneamente, acomodam os requisitos flutuantes, resultando em aplicativos de melhor desempenho e uma melhor experiência do usuário.

Sistemas, processos e proteções de dados são implementados para garantir disponibilidade e confiabilidade contínuas. Em paralelo, fornece recuperação de desastres se necessário, resultando em maior produtividade do usuário e satisfação do cliente.

Os dispositivos de armazenamento fornecem a capacidade necessária para atender às cargas de trabalho atuais e futuras. Enquanto isso, acomodam diferentes tipos de dados, sem superprovisionar o hardware de armazenamento.

Os sistemas de armazenamento são flexíveis o suficiente para escalar conforme a demanda flutua. Em paralelo, se adaptam às mudanças nos requisitos e acomodam novas tecnologias de armazenamento.

Benefícios de uma estratégia de gerenciamento de armazenamento de dados

Os sistemas de armazenamento são mais fáceis de gerenciar e monitorar. A implantação de dispositivos de armazenamento é mais rápida, geralmente sem os problemas de compatibilidade e integração que vêm com sistemas de armazenamento isolados ou fragmentados.

Além disso, uma maior confiança na automação reduz o número de tarefas manuais repetitivas. Ou seja, otimiza-se melhor os recursos de armazenamento de dados e garante-se maior segurança de armazenamento. 

O gerenciamento de armazenamento eficaz também pode levar a custos mais baixos. Afinal, as operações são mais eficientes, os recursos de armazenamento são melhor utilizados, os riscos de segurança são menores e a conformidade é mais fácil de alcançar. Isso ajuda a evitar penalidades dispendiosas.

Quais são os desafios do gerenciamento de armazenamento de dados?

Embora uma estratégia de gerenciamento de armazenamento de dados ofereça vários benefícios, implementá-la pode ser um desafio. Alguns dos problemas mais comuns incluem:

Sistemas distribuídos

As organizações sempre lutaram contra os silos de armazenamento. Afinal, eles podem levar à subutilização de recursos e alimentar conflitos de interesses entre as equipes. Contudo, os ambientes distribuídos de hoje resultam em desafios ainda maiores. Principalmente à medida que as organizações implementam ambientes com várias nuvens e nuvem híbrida e movem aplicativos e dados para o perímetro. Então, os sistemas de armazenamento espalhados por vários locais de armazenamento adicionam complexidades de implantação e gerenciamento e podem aumentar os custos e afetar o desempenho.

Complexidade do sistema

A indústria de armazenamento oferece mais opções do que nunca para armazenamento de dados. Contudo, as equipes de TI podem precisar gerenciar sistemas SAN e NAS, bem como serviços em nuvem, muitos dos quais usam armazenamento de objeto. Entretanto, as equipes também podem gerenciar unidades de fita, HDDs, SSDs ou até mesmo memória de classe de armazenamento. 

Ao mesmo tempo, suas cargas de trabalho podem ser virtualizadas, em contêiner ou em execução em bare metal. Algumas equipes também trabalham com infraestrutura convergente, hiperconvergente ou combinável ao lado de sistemas de armazenamento tradicionais. Quanto mais tipos de dispositivos e tecnologias uma organização usar, maior será a complexidade e a sobrecarga de gerenciamento. Especialmente à medida que aumentam os problemas de compatibilidade e integração.

Cargas de trabalho remotas e distribuídas

Mais do que nunca, as equipes de TI devem enfrentar trabalhadores distribuídos e remotos, bem como aplicativos executados em vários locais. Portanto, os administradores devem garantir que os aplicativos e usuários possam acessar os dados de que precisam. Ou seja, não importa onde estejam localizados ou quando trabalhem. Frequentemente, isso significa implementar replicação, espelhamento ou outras estratégias para manter os dados sincronizados e continuamente disponíveis. Contudo, isso complica ainda mais o gerenciamento de armazenamento.

Implementando novas tecnologias

As organizações implementam novas tecnologias de armazenamento e dados para melhorar o desempenho e a confiabilidade dos aplicativos. Entretanto, as tecnologias mais recentes também podem ajudar a otimizar as operações e encurtar o desenvolvimento de aplicativos e os ciclos de vida de implantação. Contudo, a implantação dessas tecnologias exige tempo e pessoal e, muitas vezes, requer treinamento e educação especializados. Inclusive, as tecnologias também podem exigir a contratação de novos funcionários ou a contratação de especialistas externos, o que pode aumentar os custos e atrasar a implementação.

Gestão de dados

O gerenciamento de dados geralmente cai sob a alçada do gerenciamento de armazenamento. Portanto, exige que as equipes de TI considerem vários fatores importantes. Por exemplo, eles podem precisar implementar sistemas para arquivar e excluir dados. Tal como para disponibilizar dados para análise ou inteligência de negócios. Independentemente das circunstâncias, eles devem implantar e manter proteções adequadas que garantam que os dados estejam sempre disponíveis e protegidos contra ameaças internas e externas. Isso, ao mesmo tempo em que cumprem os regulamentos aplicáveis. No entanto, todas essas tarefas exigem pessoal treinado, com tempo e capacidade para orquestrar e realizar operações complexas.

Apesar desses desafios, uma estratégia de gerenciamento de armazenamento eficaz é essencial para atender às demandas de armazenamento de dados de hoje. E essas demandas só aumentarão à medida que mais dados forem gerados. Afinal, as cargas de trabalho se tornarão mais complexas e as tecnologias continuarão a evoluir.

Os 10 principais problemas de armazenamento de dados e como superá-los

Não negligencie ou ignore esses 10 problemas de armazenamento de dados. Principalmente aqueles relacionados à equipe, segurança e custo, afinal, eles podem interromper as operações sem o planejamento adequado.

Considerando a onipresença do armazenamento de dados, pode-se pensar que não existem desafios sérios para uma parte tão importante da maioria das organizações.

No entanto, existem vários problemas de armazenamento de dados, incluindo alguns que emergiram da pandemia COVID-19. Felizmente, existem maneiras de lidar com esses desafios.

1. Encontrar profissionais experientes em armazenamento de dados pós-pandemia

A pandemia COVID-19 dizimou muitos departamentos de TI devido à redução de pessoal devido a doenças ou lentidão nos negócios. Contudo, é possível reatribuir as funções de armazenamento de dados a outras pessoas no departamento. No entanto, proceda com cuidado: afinal, uma perda geral de equipe pode significar que o armazenamento deve competir com outras funções de TI para o pessoal.

Também é importante encontrar funcionários com experiência sólida e sem problemas de segurança. A equipe geralmente é um problema quando as organizações usam serviços de armazenamento de dados de terceiros, como o armazenamento baseado em nuvem. Os clientes provavelmente não conhecerão as pessoas que trabalham com seus dados e aplicativos, o que apresenta potenciais problemas de segurança.

2. Segurança para proteger os dados armazenados

Cada vez mais casos de violações de segurança cibernética, especialmente com ransomware, criam problemas de armazenamento de dados para a liderança do departamento de TI. A segurança do perímetro da rede é a primeira linha de defesa para a segurança do armazenamento de dados. Contudo, sempre existe a possibilidade de que funcionários com privilégios suficientes possam acessar dados seguros, usá-los e possivelmente corrompê-los ou destruí-los. Então, a criptografia de dados em repouso e em trânsito é uma estratégia importante para manter os dados críticos protegidos.

3. Escolhendo o hardware certo de armazenamento 

Para armazenamento de dados no local, a TI precisa de:

Contudo, a TI também precisa de espaço adequado para o rack de equipamentos de armazenamento e, provavelmente, um piso elevado. O armazenamento de dados gerenciado, especialmente usando a nuvem, pode reduzir ou eliminar a necessidade de infraestrutura de hardware, além de economizar dinheiro em espaço físico.

4. Escolhendo o software certo de armazenamento de dados

Muitos produtos e serviços de armazenamento de dados estão disponíveis. Contudo, isso pode ser opressor. Afinal, esses produtos podem ser aplicativos residentes em sistemas operacionais de servidor, aplicativos de armazenamento autônomo e até mesmo freeware que podem lidar com requisitos de armazenamento pequenos a médios a um custo menor. Portanto, a chave é saber os requisitos de armazenamento atuais e de longo prazo, juntamente com atividades como arquivamento e recuperação de dados.

5. Proteção e gerenciamento de dados

O principal objetivo do armazenamento de dados é ser capaz de acessar os dados quando necessário. Contudo, isso deve ser feito sem medo de que os dados sejam de alguma forma alterados, excluídos, corrompidos ou roubados. Para aliviar esses problemas de armazenamento de dados, os aplicativos de software de gerenciamento e proteção de dados garantem que os dados armazenados estarão disponíveis em sua forma original quando necessário. 

Além disso, se uma organização não acessar os dados por um tempo, ela pode usar um arquivo para recuperação futura, como para descoberta eletrônica exigida por litígio. Não obstante, se a TI não precisar mais de dados ou tiver sido eclipsada por versões de dados mais recentes, vários aplicativos podem ajudar a destruir os dados. Até mesmo o dispositivo de armazenamento.

6. Escalabilidade de recursos

A mídia de armazenamento deve mudar para acomodar novos requisitos. Portanto, os componentes de armazenamento devem ser escaláveis ​​para cima ou para baixo. A TI pode aumentar a capacidade adicionando placas de circuito a servidores, mais servidores ou dispositivos de armazenamento autônomo ou armazenamento por meio de um data center alternativo ou armazenamento gerenciado por terceiros, como na nuvem. A facilidade de dimensionamento é um benefício importante do armazenamento de terceiros, sem investimentos do cliente em racks adicionais, espaço físico, dispositivos de armazenamento ou software.

7. Gerenciando e otimizando custos

Os custos de armazenamento podem ser uma grande parte do orçamento de um departamento de TI. A nuvem tornou- se mais popular justamente porque pode reduzir ou eliminar custos importantes. Afinal, uma organização que usa a nuvem pode precisar de menos equipamento, espaço físico, energia e equipe do que outra que usa principalmente armazenamento no local.

8. Acessibilidade de dados em uma situação de desastre

Garante que a organização possa recuperar de forma rápida e segura os dados e os recursos de tecnologia necessários para administrar os negócios após o início de um evento perturbador. Então, o armazenamento seguro de dados é cada vez mais importante no caso de violações de segurança, especialmente ataques de ransomware.

9. Teste de armazenamento de dados

Deixar de testar e verificar regularmente se os dados de TI são armazenados de maneira adequada pode causar problemas em um evento de desastre real. Afinal, os testes ajudam a identificar falhas ou bugs em qualquer infraestrutura de armazenamento. Além disso, permitem a chance de corrigir problemas de armazenamento de dados antes que se transformem em um grande desastre.

10. Patching de armazenamento de dados

A aplicação de patches é uma das atividades de TI mais importantes. Afinal, garante que todos os elementos da infraestrutura funcionem de maneira ideal e usem as versões de software mais recentes. Portanto, a falha em manter os elementos da infraestrutura de armazenamento de dados corrigidos adequadamente pode resultar em falha ou interrupção do sistema em um momento altamente inoportuno.

Fonte:

Techtarget

Já vai?

Receba conteúdos exclusivos e gratuitos direto no seu e-mail, para ler sem pressa ;)

FALE
COM UM
ESPECIALISTA

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

FALE
COM UM
ESPECIALISTA

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Acesse informação exclusiva para nossos clientes e esteja informado. Conheça as técnicas, ferramentas e estatísticas do mercado, de graça, e no seu email.
É só preencher o formulário para acessar.

Receba Gratuitamente

Passo 2
0%

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.