Blog Infonova

Informação para tomada de decisão

Resultado da pesquisa por: ""

Wi-Fi 6, 5G ou 5G privado?

Por Juliana Gaidargi em 15/03/2021 em Gestão de TI

As tecnologias Wi-Fi e 5G têm melhorado para oferecer suporte a maior largura de banda e mais usuários por ponto de acesso. Contudo, as empresas precisam olhar mais a fundo para decidir qual atende melhor às suas necessidades, o Wi-Fi 6, 5G ou 5G privado?.

Um dos grandes debates em rede tem sido usar a conectividade com fio, que traz velocidade, ou sem fio, que oferece mobilidade. Entretanto, versões recentes de Wi-Fi, como o Wi-Fi 6 oferecem velocidades comparáveis ​​às com fio, eliminando esse debate. 

Conexões com fio continuam sendo mais rápidas. No entanto não há diferença de experiência para a maioria dos aplicativos do usuário. E isso inclui vídeo. Portanto, olhando para o futuro, o wireless de próxima geração estará bem ao norte de 1 Gbps.

A próxima grande decisão: que tipo de Wi-Fi escolher?

Como decidir entre Wi-Fi 6, 5G ou 5G privado? A princípio, deve-se entendê-los.

No passado, havia apenas uma opção: Wi-Fi gratuito. Agora há outra opção entrando em jogo, que é o 5G. Não o 5G como o que se conecta ao seu telefone celular, mas o 5G privado usado em ambientes corporativos.

Avanços recentes no Serviço de Rádio de Banda Larga do Cidadão (CBRS) tornaram o uso do 5G uma realidade, o que permitiria às empresas levar os serviços 5G para os edifícios. Simultaneamente, o Wi-Fi passou por um grande passo evolutivo com o Wi-Fi 6, que tem grandes melhorias em relação ao Wi-Fi 5 que o tornam mais confiável.

Contudo, isso cria um debate sobre como deve ser a rede sem fio de próxima geração de uma organização. Não há uma resposta certa, mas é importante que os engenheiros de rede entendam os prós e os contras de cada solução e como eles podem ser usados.

Wi-Fi 6

Wi-Fi 6 é uma tecnologia madura. Afinal, ela inclui produtos de alguns fornecedores de rede bem estabelecidos. O Gartner tem 18 em seu “Quadrante Mágico” mais recente, com quatro (Extreme, Juniper, Cisco e HPE Aruba) classificados como líderes. Portanto, o Wi-Fi 6 foi um grande salto em relação ao seu antecessor ao adicionar recursos do mundo do celular para melhorar a qualidade do espectro. É o caso do OFDMA e MU-MIMO.

Entretanto, a realidade é que, embora essas melhorias sejam marcantes, elas não resolvem um problema fundamental. Afinal, o Wi-Fi depende de um espectro compartilhado e não licenciado, o que o torna suscetível a interferências e largura de banda saturada. 

É por isso que não importa quão boa possa ter sido uma pesquisa de local ou quão cuidadoso é o plano de arquitetura. Sempre haverá problemas em ambientes exigentes. Ou seja, o Wi-Fi 6 não resolverá o problema comum de trabalhar em uma rede Wi-Fi quando de repente as coisas param de funcionar bem. Isso não acontecerá com tanta frequência com o Wi-Fi 6, porém, continuará.

O principal benefício do Wi-Fi é que ele tem um custo muito baixo. Principalmente no lado do cliente, onde laptops habilitados para Wi-Fi podem custar apenas algumas centenas de dólares. Além disso, muitos dispositivos IoT são compatíveis com Wi-Fi 6.

Portanto, o Wi-Fi 6 deve permanecer a rede sem fio preferida para aplicativos não essenciais. Afinal, é quase onipresente. No entanto, sua natureza imprevisível significa que os profissionais de TI ainda devem ser cautelosos ao usá-lo em áreas críticas. É o caso de manufatura, logística / armazenamento ou saúde.  

5G como serviço

As organizações podem comprar 5G de provedores de serviços e fazer com que tragam o serviço na construção. Esta é certamente a maneira mais simples de fazer isso. No entanto, abre a porta para uma série de outras questões.

Uma delas é a área de cobertura. Afinal, nenhum provedor de serviços oferece 5G em todos os lugares. Ou seja, uma organização amplamente distribuída provavelmente precisaria contratar mais de um provedor para obter toda a cobertura de que precisa.

Contudo, um problema maior é a propriedade dos dados. Quando o 5G é adquirido como um serviço, os dados passam pela rede do provedor de serviços até o seu núcleo. Então, são roteados para a internet de volta ao cliente. Isso está em total contraste com as redes corporativas locais, onde todos os dados são mantidos localmente e podem ser verificados, analisados ​​e armazenados pela empresa. Portanto, um local de evento que pudesse coletar e analisar dados de sua rede se a rede fosse de propriedade do próprio local perderia esses dados se fosse roteado por meio de uma rede de provedor de serviços.

Uma última preocupação em seguir esse caminho é o atendimento ao cliente que você pode esperar desse grupo de provedores. Imagine que um está fornecendo rede 5G de seu equipamento de fábrica e a rede cai, paralisando a linha de produção. Você se sentiria satisfeito por eles consertarem rápido o suficiente? Dada a natureza de missão crítica do wireless para as empresas, um atendimento ao cliente ruim não é algo para se apostar. Portanto, escolha bem entre Wi-Fi 6, 5G ou 5G privado.

Construa o seu próprio provedor com equipamento 5G da operadora

Todas as redes 5G da operadora são construídas com equipamentos feitos por um punhado de fornecedores. O Gartner lançou recentemente um Magic Quadrant para provedores de infraestrutura de rede 5G especificamente para provedores de serviços de comunicação. 

Os três no quadrante do líder são Ericsson, Nokia e Huawei, com a ZTE bem próxima. Esses fornecedores podem fazer sentido para as maiores das grandes empresas que têm redes tão grandes quanto algumas pequenas operadoras móveis. No entanto, para 99% do mundo, eles não são uma opção viável.

O benefício de usar um dos fornecedores de nível de operadora é que sua tecnologia é experimentada e testada. Contudo, as desvantagens são significativas. Afinal, seu equipamento foi projetado para redes de provedores em grande escala, não para empresas. Portanto, usá-lo seria como implantar roteadores de núcleo de nível de operadora para construir uma WAN corporativa. Ou seja, isso poderia ser feito, mas seria um exagero completo.

Além disso, o nível de complexidade do equipamento 5G de nível de operadora é significativo. Tanto, que muitos provedores de serviços acabam contratando serviços profissionais para colocar o equipamento em funcionamento. Além disso, algumas operadoras irão terceirizar todas as operações da rede por causa da complexidade. 

Por exemplo, a Verizon assinou recentemente um contrato de terceirização de US $ 700 milhões com a Infosys. A Vodafone recentemente adotou uma abordagem semelhante terceirizando sua construção e operações 5G para a EDS e a IBM.

Infraestrutura 5G de classe empresarial

Recentemente, o equipamento 5G projetado para empresas implantar e gerenciar com a facilidade do Wi-Fi entrou em cena. Por exemplo, a startup Celona oferece uma solução que a HPE Aruba está revendendo. Portanto, com o passar do tempo, outros fornecedores tradicionais de Wi-Fi provavelmente construirão ou comprarão seu caminho para o 5G de classe empresarial.

O benefício desta opção é que ela fornece a qualidade e confiabilidade do 5G e permite que a equipe de engenharia de rede implante, gerencie e opere como se fosse Wi-Fi. A desvantagem é o custo dos clientes 5G. Enquanto um laptop de baixo custo com suporte para Wi-Fi custa apenas algumas centenas de dólares, um laptop de baixo custo habilitado para 5G custa US $ 1.500 ou mais. Ou seja, você deve atentar para as peculiaridades do Wi-Fi 6, 5G ou 5G privado.

Bons casos de uso 5GO

O custo do 5G privado é muito alto para ser implantado em qualquer lugar. Contudo, é uma excelente opção para ambientes de missão crítica onde o Wi-Fi atualmente não é usado. Portanto, hospitais que desejam conectar equipamentos médicos e não se preocupar com a fragilidade do Wi-Fi devem considerar isso. As organizações de manufatura que evitaram o Wi-Fi até agora devem considerar o 5G privado para eliminar a necessidade de atualizar continuamente o cabeamento.

A implantação sem fio ideal seria uma combinação de Wi-Fi 6 para funcionários em geral, sem a necessidade de largura de banda de rede altamente confiável e usuários convidados. Isso deve ser aumentado com 5G privado de classe empresarial para ambientes mais exigentes. Afinal, permite que as organizações aproveitem os pontos fortes de ambos, mas também gastem o orçamento com sabedoria. 

Com o tempo, o custo do 5G privado tende a cair. E, à medida que isso acontece, as empresas podem expandir sua pegada 5G e deslocar algumas ou todas as suas redes Wi-Fi em seus ambientes críticos. Mas, por enquanto, faz mais sentido usar os dois.

Como construir um case de 5G privado

Ao construir um case de 5G privado, certifique-se de incluir os benefícios e desafios do 5G privado, bem como como provar seu ROI. Aqui está tudo o que você precisa saber.

Para muitas empresas, o futuro do acesso à rede está nas tecnologias sem fio. Afinal, por anos, o Wi-Fi tem sido o método preferido para conectar usuários finais e dispositivos IoT a recursos de TI corporativos. 

No entanto, existe um número crescente de casos de uso em que o Wi-Fi simplesmente não está à altura da tarefa. Felizmente, alternativas, como o 5G privado usando o espectro do Citizens Broadband Radio Service, estão surgindo na linha de frente. As redes 5G privadas tratam de muitas das deficiências encontradas tanto em fatias de rede Wi-Fi quanto em fatias de rede 5G da operadora.

Vejamos como construir um caso de negócios 5G privado que inclui os riscos e recompensas potenciais de redes 5G privadas e como os departamentos de TI podem provar ROI do 5G privado para líderes de negócios.

Benefícios do 5G privado

As redes 5G operam no que a maioria dos especialistas considera uma arquitetura de próxima geração em comparação com as tecnologias de rede tradicionais, incluindo Wi-Fi. Por exemplo, o 5G usa divisão de rede para identificar fluxos de tráfego críticos para os negócios ou sensíveis à latência e aplicar acordos de nível de serviço (SLAs) estritos de rede a esses fluxos. 

Além disso, o roaming de dispositivos entre células é muito mais confiável em comparação com o Wi-Fi. Finalmente, uma arquitetura de rede nativa da nuvem e definida por software controla centralmente toda a rede 5G. Portanto, as empresas que implantam redes 5G privadas podem esperar receber os seguintes benefícios, entre outros:

  • Conectividade determinística para aplicativos e dispositivos sensíveis à latência;
  • Escalabilidade de largura de banda de nível de operadora;
  • Conectividade de cliente simplificada;
  • Melhor cobertura e roaming de dispositivos; 
  • Autonomia completa sobre integrações de rede 5G e SLAs de tráfego.

Possíveis desvantagens do 5G privado

Como acontece com qualquer nova tecnologia, as organizações devem considerar as desvantagens potenciais antes de adotá-las. Alguns exemplos incluem o seguinte:

  • Uma falta atual de dispositivos compatíveis com 5G;
  • A curva de aprendizado que a TI enfrenta ao descobrir como gerenciar redes privadas de rádio 5G; 
  • Desafios potenciais ao traduzir fatias de rede 5G em políticas tradicionais de qualidade de serviço (QoS) de rede.

Embora o 5G privado tenha alguns obstáculos em seu caminho, as empresas podem criar um caso de negócio 5G privado para identificá-los e superá-los com mais facilidade. Afinal, muitos obstáculos, como a falta de dispositivos com chipsets 5G integrados e recursos de eSIM, são desvantagens simplesmente porque as tecnologias 5G permanecem relativamente novas. E isso independentemente das desvantagens que existem atualmente.

A prova está no ROI

Provar o ROI para uma rede 5G privada é simples em comparação com as desvantagens inerentes do Wi-Fi. Afinal, as empresas que procuram redes 5G provavelmente estão em situações em que o Wi-Fi as decepcionou do ponto de vista operacional. 

As empresas que operam em locais como armazéns, fábricas, hospitais e grandes campi universitários há muito tentam usar o Wi-Fi em ambientes internos e externos. Tudo para apenas ficar com um acesso lento e não confiável à rede sem fio. Inclusive, em muitos casos, os administradores sem fio perdem horas incontáveis ​​solucionando problemas e ajustando configurações para fazer o Wi-Fi funcionar um pouco melhor nesses ambientes desafiadores.

Uma rede 5G privada, por outro lado, oferece uma experiência sem fio mais previsível e estável que requer menos manutenção. O desempenho estável é extremamente importante, pois as organizações contam com plataformas e sensores IoT para lidar com tarefas importantes. É o caso da segurança física e proteção dos ocupantes do edifício.

Em seguida, uma comparação simples de custo de uma rede 5G privada em comparação com uma alternativa Wi-Fi mostra uma vantagem de custo significativa com 5G. Afinal, com uma rede de acesso 5G privada, uma empresa pode esperar uma cobertura sem fio aprimorada de uma única célula. Na verdade, um único ponto de acesso 5G privado interno pode cobrir quatro vezes a área de um AP Wi-Fi. Para implantações externas, essa cobertura pode aumentar dez vezes.

Por fim, as equipes de TI podem construir e implantar redes 5G privadas com menor Capex em comparação com uma alternativa Wi-Fi de nível empresarial. Ou seja, entre Wi-Fi 6, 5G ou 5G privado, o privado tem destaque.

5G privado vs. 5G da operadora

Ao invés de possuir e gerenciar uma rede 5G privada, outra opção é fazer parceria com uma grande operadora 5G para alugar e dividir uma fatia da rede privada em sua rede 5G. Neste exemplo, uma empresa pode usar a rede 5G da operadora para conectar vários usuários finais e dispositivos de endpoint a uma fatia segmentada de forma privada.

Embora o aluguel de uma fatia de rede 5G de uma operadora nacional possa ser útil em casos de uso grandes e geograficamente dispersos, as empresas que buscam uma alternativa para redes de acesso sem fio internas ou de campus provavelmente optarão por construir e controlar a rede internamente por vários motivos.

Algumas das razões pelas quais as empresas podem optar por construir pelo 5G privado incluem o seguinte:

  • Proteger melhor os dados confidenciais que atravessam a rede;
  • Ter mais controle sobre o design da rede e implantação de AP; 
  • Deter controle sobre o gerenciamento da rede.
Para proteger melhor os dados confidenciais que atravessam a rede

Muitas vezes, as grandes empresas devem aderir a normas rígidas de privacidade e conformidade de dados. Como Chris Antlitz, principal analista da Technology Business Research, apontou, as empresas que pesquisam 5G “querem sistemas fechados que controlem e que sejam completamente separados da infraestrutura pública”

Portanto, autonomia sobre o desempenho e a segurança dos dados sem fio é fator-chave para construir um 5G privado. Especialmente sobre alternativas de operadora.

Para ter mais controle sobre o design da rede e implantação de AP

A implantação de APs 5G podem ser cuidadosamente instalados em prédios, fábricas e campi para fornecer uma experiência sem fio ideal. As células ou torres podem ser estrategicamente localizadas e potencialmente ajustadas conforme as necessidades organizacionais mudam. Contudo, este não é o caso ao alugar uma fatia de rede em uma rede 5G da operadora.

Para ter controle sobre o gerenciamento da rede

As empresas que optam por alugar fatias de rede 5G da operadora terão pouco controle sobre a fatia que a operadora lhes atribui. Portanto, se ocorrer um problema com o serviço, será difícil para a organização identificar e remediar o problema por conta própria. Ao invés disso, ele precisa esperar que a operadora identifique e resolva o problema.

Além disso, o controle sobre a largura de banda e os ajustes de latência de uma fatia de rede são mais limitados em comparação a possuir e operar uma rede 5G privada. Afinal, as integrações em redes legadas também não serão possíveis, pois as operadoras simplesmente despejarão os dados em um gateway de escolha do cliente.

No entanto, as organizações podem adotar o 5G privado para converter uma ou mais fatias de rede 5G com SLAs separados para largura de banda e latência em políticas de QoS tradicionais. Afinal, somente com uma rede 5G privada é possível impor QoS de uma extremidade da rede corporativa para a outra. Agora você conhece as características do Wi-Fi 6, 5G e 5G privado, portanto, pode escolher a melhor solução para o seu negócio.

Contudo, você também pode contar com o auxílio e consultoria de uma empresa de TI.

Qual é o segredo para a contratação de uma empresa de TI?

Se você já tem um provedor de TI, mas vive em guerra com ele, talvez seja hora de trocar. Contudo, geralmente, os gestores se perguntam se vale a pena a dor de cabeça de trocar de empresa de TI. Afinal, isso demanda tempo, planejamento e vários outros aspectos.

Contudo, se abrir chamados repetidos se tornou rotina, ou se você já fica triste em ter de falar com um técnico de TI, a hora chegou. Portanto, comece a pesquisar empresas de TI que atendam às suas necessidades reais. Ou seja, que adapte seus serviços e taxas à sua necessidade.

Durante essa pesquisa, é importante considerar se:

  • A empresa de TI é realmente consolidada no mercado? 
  • Quais são os clientes que ela atende? 
  • Esse provedor de TI tem boas referências? 
  • Como posso confiar numa empresa de TI? 
  • Será que eles cumprem com o que prometem?

Estas são algumas perguntar que normalmente surgem antes de contratar uma empresa de TI.

O segredo

O segredo não é um segredo de verdade. Afinal, basta responder a essas perguntas que se fez. Tomemos como exemplo a Infonova.

A Infonova é uma empresa fundada em 2002 e, desde então, tem ganhado muita experiência ao longo dos anos. Ou seja, é uma empresa consolidada no mercado.

Mais de 135 clientes foram atendidos pela Infonova ao longo desse tempo. Estes atuam nos mais diversos segmentos, desde corporate, governo, PME até indústria do entretenimento e saúde. Você pode conferir a lista completa de clientes satisfeitos da Infonova aqui.

O atendimento da Infonova é feito através de uma metodologia consolidada. Portanto, essa empresa de TI conta com depoimentos da maioria de seus clientes garantindo a qualidade do atendimento.

metodologia infonovaEm relação à confiança, a Infonova comprova sua transparência e seriedade logo no início do nosso contrato. Afinal, é quando realiza uma visita inicial de manutenção intensiva em todos os computadores da sua empresa e também servidores.

Inclusive, se o cliente pedir, a Infonova oferece um mapeamento de todo seu ambiente de TI.  Afinal, seu interesse é conhecer toda sua infraestrutura e, de cara, resolver todas as suas dores.modelos de contrato

Resumindo, a Infonova faz um diagnóstico para identificar como está a sua TI. Então, avalia o que está bom, resolvemos o que está ruim e cria um projeto para o que é possível melhorar. Tudo isso sem custo. Ou seja, a Infonova conta com as melhores condições custo-benefício do mercado.

Perfil Infonova

A expertise da Infonova permite fornecer atendimento técnico local com escalas flexíveis definidas pelo cliente. Estas incluem:

  • Atendimento por demanda;
  • Disponibilização de equipes com 1 técnico local e retaguarda especializada; 
  • Equipes completas com até 200 profissionais qualificados para assumir parte ou toda a operação de TI.
Colaboradores

O trabalho executado pela equipe da Infonova é primoroso. Afinal, essa empresa de TI se preocupa com seus funcionários. Ou seja, a Infonova oferece participação nos lucros aos seus colaboradores a fim de mantê-los sempre motivados. Além disso, a contratação dos analistas é CLT Full, o que reduz o turnover e aumenta a confiança. 

Soluções

Como a empresa de TI completa que é, a Infonova tem soluções voltadas para PMEs, Governo e Corporate. Todas compreendem modelos flexíveis com início rápido e transição sem dor.

Confira a seguir:

soluções infonova

 

Para saber mais sobre os serviços da Infonova, entre em contato pelo (11) 2246-2875 ou clique aqui.

Se quer saber mais sobre o que nossos clientes têm a dizer sobre nossos serviços, baixe gratuitamente nossos cases exclusivos

Já vai?

Receba conteúdos exclusivos e gratuitos direto no seu e-mail, para ler sem pressa ;)

FALE
COM UM
ESPECIALISTA

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

FALE
COM UM
ESPECIALISTA

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Acesse informação exclusiva para nossos clientes e esteja informado. Conheça as técnicas, ferramentas e estatísticas do mercado, de graça, e no seu email.
É só preencher o formulário para acessar.

Receba Gratuitamente

Passo 2
0%

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.

Receba Gratuitamente

Fique tranquilo, não compartilhamos suas informações.