Por fernando.carvalho em 14/02/2018 em Artigo

NTFS nada mais é que a Nova Tecnologia de Sistema de Arquivos (New Technology File System) que surgiu com o lançamento do Windows NT em 1993 para substituir o Sistema de Arquivos antigo FAT32, baseado no MS DOS.

FAT32 Tabela de Alocação de Arquivos (File Allocation Table) foi o sistema criado para ser o Sistema de Arquivos oficial do MS DOS. O FAT tem seu funcionamento baseado em uma tabela representativa que possui a capacidade de indicar onde estão os dados de cada arquivo. A tabela usada neste modelo de sistema tem a função de guiar onde está localizado cada bloco e também onde estão divididos os arquivos gravados.

No inicio, chamada apenas de FAT, pois trabalhava em 12 bits, e depois passando para 16 bits. Posteriormente a versão 32 bits FAT32, utilizada até os dias de hoje. As primeiras versões do Sistema Operacional Windows tinham o MS DOS como núcleo do Sistema. Dentre eles, as versões Windows 3.11, 95, 98 e ME. Porém somente o Windows 98 e ME trabalhavam com FAT32 bits.

A criação do NTFS foi importante, devido os sistemas baseados em MS DOS não serem estáveis para execução em servidores por exemplo.

Os sistemas operacionais Windows posteriores mais usados do mercado, XP, Vista, Windows 7 e Windows Server 2008 utilizam o núcleo NT, consequentemente, possuindo como padrão o NTFS. Apesar deste file system ser nativo no Vista e XP, o FAT32 também está implementado, mesmo porque que é possível escolher qual sistema de arquivos usar nessas versões.

Já nas versões do Windows ultrapassadas, o contrário não é possível, visto que o núcleo DOS não dá suporte nenhum a muitas funcionalidades do NTFS. Portanto, as versões 95, 98 e ME são somente equipadas com FAT e FAT32. Para reconhecer partições NTFS (sem muita garantia), é possível usar software de terceiros.

Principais características do NTFS

  • Possibilidade de definir direitos de acesso à um usuário, quem pode acessar e o que pode acessar;
  • No caso de desligamento repentino do computador, tem a capacidade de reverter os dados a uma condição anterior ao problema;
  • Suporta a replicação de dados como acontece no sistema RAID,
  • É muito eficiente ao trabalhar com grandes arquivos e unidades de disco bastante cheias.

Entenda melhor as diferenças entre NTFS e FAT32

NTFS X FAT e FAT32

  • Cria partições maiores que 32GB;
  • Tem capacidade de compactar arquivos e economizar espaço em disco;
  • Conta com melhor gestão de espaço, assim, gerando menos fragmentação;
  • Possui menos espaço desperdiçado;
  • Conta com on-the-fly a criptografia de arquivos usando o EFS (Encrypting File System, o Windows Professional).

FAT e FAT32 X NTFS

• É compatível com todos os sistemas operacionais;
• Ocupa menos espaço no disco USB;
• Trabalha de forma mais rápida e com menos uso de memória.